Início Graduação Quero fazer faculdade em português, mas fiz ensino médio nos EUA. E...

Quero fazer faculdade em português, mas fiz ensino médio nos EUA. E agora?

0
100

Com a população brasileira residente nos Estados Unidos estimada em mais de um milhão de pessoas, aumenta cada vez mais o número de jovens e adultos que cursaram a High School e agora pensam em fazer um curso universitário ou uma especialização em português.

As razões dos candidatos são variadas. O brasileiro Michel Piacentini de Souza que vive em Framingham, Massachusetts, por exemplo, resolveu voltar aos estudos aos 35 anos de idade. “Estudar para mim sempre foi algo prazeroso e uma oportunidade de crescer como pessoa”, diz Michel que fez uma breve pesquisa até fazer a sua escolha final.  “As escolas no estado de Massachusetts são muito caras; observei que as faculdades brasileiras estão realmente no mesmo nível de ensino”, conta ele que atualmente cursa Engenharia da Computação pelo Centro Universitário Internacional Uninter.

Segundo a gerente de Operações da Uninter Americas, Elisangela Libby, a maioria dos brasileiros que completou o ensino médio fora do Brasil, e procura a Uninter para a realização de um curso superior, está em busca de uma instituição com valores financeiros mais acessíveis que universidades americanas. “A Uninter não só oferece melhores preços, como garante o mesmo nível de seriedade, dedicação e qualidade de ensino de uma universidade nos EUA”, complementa Elisangela.

Fazer uma faculdade online em português nos Estados Unidos é uma opção real e o Centro Universitário Internacional Uninter está preparado para guiar os candidatos na direção certa. O diploma do ensino médio obtido fora do Brasil precisa ser revalidado por meio de um processo criado pelo governo brasileiro e exigido pelo MEC (Ministério da Educação). E um aluno só pode ser matriculado em uma universidade brasileira, se apresentar a validação do seu diploma estrangeiro.

O Processo

Existe um passo a passo muitas vezes considerado complicado e demorado, e foi por esse motivo que a Uninter decidiu orientar os brasileiros. Segundo Adriana Monteiro, administradora do polo Uninter de Newton em Massachusetts, a difícil comunicação com os departamentos e órgãos responsáveis por esse processo no Brasil para quem mora nos Estados Unidos desestimula os candidatos. “Como a Uninter é internacional, conseguimos ajudá-los a abrir e acompanhar o processo deles junto às secretarias estaduais de educação”, explica Adriana, ressaltando que tudo isso vale muito a pena quando se pensa na realização do sonho de cursar uma universidade.

De acordo com as secretarias de educação, o prazo de validação de diploma pode levar até 30 dias úteis para ser concluído. Esse período pode variar, portanto é fundamental seguir os passos corretos, já que qualquer erro pode atrasar ainda mais este processo. E esta é exatamente a primeira coisa que a Uninter faz por seus candidatos, informando tudo que ele precisa saber para dar entrada na revalidação do seu diploma estrangeiro. Desde a lista de documentos exigidos, serviços de tradução juramentada (terceirizado) à abertura do processo nas secretarias, a Uninter ficará lado a lado do candidato até a resolução final emitida pela Secretaria de Educação no Brasil.  

O aluno Michel Piacentini de Souza passou por este processo. “Realmente não tenho palavras para descrever o profissionalismo e a dedicação da equipe do polo aqui de Boston. Recebi todas as instruções necessárias para que conseguisse revalidar o meu diploma de High School no Brasil, e assim pude realizar mais um objetivo pessoal de ingressar em um curso superior”. Michel conta que seguiu todos os passos dados pela equipe Uninter e em torno de dois meses os documentos estavam prontos. “Eu achei que foi um processo bem rápido por parte do MEC; fiquei surpreso”, comemorou.

Com a informação correta nas mãos, o candidato pode dar entrada ao seu processo e aguardar o resultado. A Uninter cobra uma taxa de 100 dólares pelo serviço de orientação e encaminhamento de documentação para análise perante a Secretaria de Educação no Brasil. Revalidação aprovada e efetuada, o candidato está pronto para se matricular em um dos mais de 200 cursos oferecidos pelo Centro Universitário Internacional Uninter.

Custo-Benefício

Segundo dados divulgados pelo US News, o custo médio anual das principais universidades norte-americanas varia de US$ 9.687 (alunos residentes do estado), US$ 21.184 (alunos não residentes do estado) a $35.087 (instituições particulares), em 2020/2021.

Estes valores, comparados ao custo de validação do diploma de High School no Brasil e ainda a validação nos Estados Unidos do diploma de ensino superior obtido pela Uninter após a graduação, são substancialmente mais altos.

Ou seja, o candidato que optar por fazer a faculdade brasileira não só poderá atuar em sua profissão no Brasil, como terá a chance de validar seu diploma universitário nos Estados Unidos. Isso tanto para fins profissionais, ao se candidatar a uma vaga de emprego, como educacionais, se decidir dar continuidade aos estudos por aqui.

Importante: A Uninter não é responsável pela análise técnica dos documentos e pelo deferimento da solicitação de revalidação de estudos, e não pode garantir a revalidação do diploma. Todo o trâmite de análise, deferimento e prazos são de responsabilidade exclusiva dos conselhos e secretarias estaduais de educação no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui